Lauro Chaman comemora bom começo de temporada e revela ansiedade para Tóquio 2020

 

Bronze no Campeonato Mundial de Pista, paraciclista da seleção brasileira comenta sobre a preparação para o ano pré-olímpico

 

Bronze no Campeonato Mundial de Pista – disputado no início deste mês, na Holanda –, o paraciclista Lauro Chaman quer aproveitar o bom início de temporada para confirmar vaga nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, em 2020.

 

Em contato com o GloboEsporte.com, Chaman comentou sobre o retorno para a equipe Memorial Santos, a expectativa para a Paralimpíada e sua paixão pelo ciclismo.

 

– Tivemos um bom início de temporada. Temos treinado bastante e fizemos um bom Campeonato Mundial. Fiquei muito feliz com o resultado. Tenho que agradecer todos meus companheiros e comissão técnica – disse Lauro Chaman, terceiro colocado na prova de Omniun, do último Mundial.

 

Após passar dois anos em São José dos Campos, o ciclista falou sobre a oportunidade de voltar para a Cidade de Santos onde conquistou seu espaço no ciclismo.

 

– Foi onde tudo começou, o início do sonho. Aqui comecei a me destacar nos cenários nacional e internacional. Sou muito grato por tudo que a cidade me proporcionou. Estou muito feliz aqui, tenho amigos que são como uma família – ressaltou.

 

Nos Jogos do Rio 2016, Chaman foi o primeiro atleta brasileiro de ciclismo a conquistar uma medalha. Ele faturou o bronze no contrarrelógio e uma prata na estrada. Com pouco mais de um ano para a chegada da Paralimpíada, o ciclista revela ansiedade para o início do torneio no Japão.

 

– Cada ano que passa a expectativa aumenta. Tenho que continuar treinando cada vez mais para evoluir o máximo e chegar muito bem em Tóquio e, quem sabe, conquistar uma medalha de ouro para o Brasil – afirmou.

 

Após a conquista do bronze na Holanda, Chaman terá pela frente o Campeonato Mundial de Estrada, etapas da Copa do Mundo e os Jogos Parapan-Americanos de 2019, em Lima, no Peru.

 

Paixão antiga

 

O ciclismo entrou cedo na vida de Lauro Chaman. O paratleta, que possui uma atrofia na panturrilha, é apaixonado pelo esporte e faz uso da modalidade em várias situações.

 

– O ciclismo sempre foi uma paixão. Sempre usei a bicicleta como um meio de transporte, faz parte do meu dia a dia. Ando de bicicleta diariamente, não tem um dia que eu não pedale. Fui ganhando gosto pelo esporte. Só tenho que agradecer ao ciclismo – concluiu o atleta, que perdeu os movimentos no tornozelo após passar por cirurgia de correção no pé esquerdo.

 

*Colaborou sob supervisão de Antonio Marcos

Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

MISSÃO

- Promover a integração humana e o respeito à natureza, por intermédio de atividades ciclísticas.

 

- Promover o bem estar físico e mental e otimizar a qualidade de vida dos integrantes, em atividades esportivas semanais.

 

- Criar um ambiente de descontração, lazer e amizade entre os integrantes e suas respectivas famílias, garantindo liberdade de expressão.

 

- Fomentar o senso de responsabilidade social, agindo ativamente na busca da inclusão social e da cidadania plena.

VISÃO

Praticar atividades ciclísticas com o fim de colaborar para a construção de uma sociedade justa e igualitária, com respeito e preservação do planeta, reconhecendo os benefícios da prática do ciclismo, valorizando o esporte, participando ativamente de eventos esportivos e atividades de lazer e buscando o bem estar físico e mental de seus integrantes.

 

SUGESTÕES

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2016 BY SIMPLECI.WIX.COM/HOME