O que você prefere: transportar ou ser transportado? Se fizéssemos essa pergunta para uma bicicleta e, se ela respondesse, com certeza diria: “transportar, é claro! Afinal, foi pra isso que eu fui concebida! Todas nós, bicicletas, temos como princípio transportar. Transportar pessoas e coisas, mas principalmente pessoas, de forma elegante, bela e altamente sustentável. Ah, e se vocês perguntassem à nossa tetravó, há uns 200 anos atrás, nos dias do Barão Karl Von Drais, tenho certeza que ela diria a mesma coisa: estou aqui para transportar, não vejo a hora de levar o Barão de Beaune a Dijon”.

 

 

Concordamos com Sua Excelência, a bicicleta, porém, há ocasiões em que precisamos transportá-la. E essa, admitidamente, não é uma tarefa fácil, desejada e muito prática. Existem diversos modelos de racks para transportar bicicleta: colocado sobre o carro, apoiado no engate de reboque, preso à tampa do porta-malas, acoplado, parafusado, amarrado etc. Os modelos, marcas e preços variam bastante. Não é uma tarefa fácil encontrar um rack que atenda a todos os tipos de veículos ou agrade a todos. Sem falar no peso, volume, e, o temido risco de arranhar a pintura do carro ou amassá-lo.

 

Naturalmente, o suporte por ventosa também não agradará a todos, mas você pode ter certeza: é uma opção e tanto. Pouco volume, relativamente leve, muito fácil de instalar e dispensa racks ou suportes extras. Com alto poder de sucção, a ventosa suporta pesos consideráveis. Nada de parafusos, porcas e chaves; o kit é composto de três ventosas de silicone, duas para fixar o eixo dianteiro da bicicleta e uma para o traseiro. Todo o contato com a lata, ou vidro, do carro, fica por conta do silicone. Transporta qualquer bicicleta em quase qualquer carro, basta ter dois pontos relativamente planos, lisos e firmes para fixá-los. Desmontado, cabe em qualquer lugar e pesa cerca de 5 kg.

 

Teste leva bike da 3HM

 

Testamos o suporte Leva Bike da 3HM. As ventosas devem ser instaladas nas extremidades do teto, vidros, ou capuz, onde há maior rigidez e firmeza. O fabricante não dá nenhuma garantia caso o suporte seja instalado em locais em que a lata do carro não está firme. Antes da instalação, deve-se limpar bem a área escolhida do carro, bem como as ventosas. Depois de posicionadas corretamente, gira-se as roscas, apertando até o fim, para criar o vácuo e grudar as ventosas. 

 

A exemplo de outros suportes, a roda dianteira deve ser retirada. Daí, de acordo com o modelo da bike, o garfo dianteiro é facilmente fixado. O kit tem suporte para garfo que usa o sistema de acoplagem engate rápido (quick release), bem como para o sistema de eixo 15mm e Cannondale Lefty. Para fixar a roda traseira, que vai sobre a terceira ventosa, é só firmá-la com a cinta de velcro que já está fixa à ventosa – muito simples. Tudo feito em poucos minutos e usando apenas as mãos.

 

Como funciona uma ventuosa? Pressão atmosférica – esse é o “combustível” da ventosa. O cone da ventosa tem um espaço oco onde se armazena ar. Ao pressioná-lo (os lábios da ventosa) contra uma superfície, expulsamos grande parte do ar entre o cone e a superfície e criamos uma área de vácuo. Porém, no lado de fora do cone existe pressão atmosférica normal, que quer tomar aquele espaço do vácuo. A pressão do ar do lado de fora da ventosa se torna maior do que na área interna. Isso resulta numa forte pressão nas costas do cone, contra a superfície em que o cone está encostado e o empurra contra essa superfície. Assim, ele fica ali, grudado. A pressão feita no cone das ventosas pode ser feita, tanto por empurrá-la manualmente, nos casos de ventosas menores, como por meios mecânicos, que é o caso da ventosa 3HM, acionada por rosca. Outro método para retirar o ar é o uso de bomba de sucção. Entende-se também que quanto maior for a ventosa, maior será o espaço de vácuo, que por sua vez, demandará uma maior pressão externa ae, consequentemente, mais eficaz.

 

Usamos uma Grand Cherokee para fazer o teste, e rodamos 700 km (400 de ida e 300 de volta); cerca de 12 horas de estrada. Pegamos frio, calor e um pouco de garoa. Andamos em estradas boas e ruins, cerca de 100 km em estradas esburacadas e asfalto bastante irregular. E foram cerca de 200 km em rodovia bastante sinuosa, e com velocidades bem diversas - nenhum problema. Deixamos a bike fixa no suporte durante a noite, e no dia seguinte ela estava bem firme. Daí, é claro, reapertamos o suporte para garantir, de acordo com a especificação do fabricante.

 

É bom lembrar que o “adesivo” que o sistema de sucção da ventosa produz não é por tempo indefinido. Com o tempo - vários dias - o ar encontra um meio de se infiltrar e a sucção perda sua eficácia. Isso é resolvido refazendo o processo, conforme orientação do fabricante. Deixamos apenas os suportes instalados, sem bike, para ver quantos dias aguentariam presos. Depois de cinco dias o suporte traseiro (menor) soltou. A propósito, visto que o suporte traseiro tem apenas uma ventosa, entendemos que ele poderia ser, pelo menos, do tamanho do dianteiro. Em todos os testes que fizemos o traseiro sempre soltou primeiro. Porém, como dito, o propósito não é ficar vários dias sem ser reapertado.

 

Inconveniente

 

Dois aspectos que causam preocupação. Primeiro: não há nenhum sistema de bloqueio antifurto. O motorista é obrigado a tirá-lo sempre que não puder deixar o veículo num estacionamento seguro. Segundo: a ansiedade gerada. Não estamos acostumados com isso, nossa cultura é de fixação por parafuso, acoplagem, cabo, corda etc. Tememos o desconhecido. Quantas vezes usamos ventosas em nossa vida? Quanto sabemos delas? Isso, apesar dos testes comprovarem o sistema, gera uma certa ansiedade, que deverá desaparecer com o uso contínuo.

 

Aprovado

 

Aprovamos o Leva Bike – seguro, simples, leve, prático, fácil de transportar e armazenar. Sobre a durabilidade, bem como a qualidade do material das ventosas na questão vedação, só o tempo dirá. Relembrando sempre que é imperativo seguir as instruções do fabricante.

 

E as revoluções continuam...que sejam bem-vindas as que beneficiam! 

 

"Quanto mais limpa e mais lisa a área onde for aplicada a ventosa, melhor será a sucção."

 

150kg Desenvolvida para suportar 20 horas O fabricante garante sucção 5.5 kg Peso 46 x 15 x 38 cm Dimensões da caixa/kit R$1.169,99 Preço Leva Bike

Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo