Como descobrir qual é a subida mais difícil de sua região


Não sei você, mas pra mim, subir uma subida difícil não é so o desafio em si. Sim, essa é a parte mais considerável quando cruzo um morro pesado. No entanto, subir uma dura subida é parte também de uma exploração. De chegar no topo e ver uma vista bonita. De descobrir os outros caminhos do outro lado. Antes de te explicar como descobrir qual é a subida mais difícil de sua região, queria te contar o porquê eu tive a curiosidade de saber isso em primeiro lugar. Há uns anos eu estava fazendo uma viagem de bike com meu pai. Ele ia de moto e eu de bike. E ele tirou essa foto aqui:

Ô subidinha miserável!! Não acabava nunca! Talvez a foto não mostre exatamente o nível de dificuldade dessa subida, mas foram 8 intermináveis quilômetros. Aquele dia eu fiquei perguntado: seria essa a subida mais difícil que eu já percorri? Como que eu faço pra saber isso? E realmente não existia nenhum critério. Discutir isso entre ciclistas é, invariavelmente, chegar no debate "Essa subida aqui tem 9km de extensão então é mais difícil que aquela", "Nem a pau! Aquela lá é mais íngrime!" Então eu mesmo resolvi criar o meu método para determinar a dificuldade das subidas. Criei uma conta. Ela leva em consideração a distância percorrida, o ganho de elevação e por fim a superfície da subida (terra, bloquetes, asfalto, etc). Foi com essa fórmula que criei a lista das 5 subidas mais difíceis do Brasil que você leu, e é com ela que você pode descobrir a dificuldade das subidas da sua região e até comparar com as do Ebook. Então vamos lá: 1- Abra o Strava no computador

Para começar, abra o Strava no seu computador - não funciona pelo celular - entre na sua conta (se não tiver, crie uma rapidinho) e clique em Explorar e depois em Explorador de segmento.

A tela que aparecerá provavelmente mostrará já a sua cidade e vários segmentos de sua região. Os que aparecem em destaque são os mais percorridos. No entanto, nós queremos que apareça apenas os segmentos de trecho de subida: 2- Filtre os segmentos Para podermos ver os segmentos de subida mais difícil, configure a barrinha que aparece no topo para mostrar apenas segmentos de categora 2, 1 e HC, que são os mais inclinados de todos. Se você morar numa região muito plana, considere colocar os segmentos 4 e 3 também:

Do lado esquerdo você já vai começar a ver os segmentos da sua região. O primeiro alí da lista de cima que a foto mostra é de uma subida chamada Pedra Grande, de minha cidade natal. Eu vou usar ela como exemplo. 3- Abra a calculadora de dificuldade de subida no Aventrilha Agora vamos para a mágica. Você vai precisar de 3 informações da subida:


  1. A distância dela em metros

  2. O ganho de elevação dela em metros

  3. A superfície (terra, asfalto ou parelelepípedos/bloquetes)

A da Pedra Grande que uso como exemplo tem 8600 metros de distância, 615 metros de ganho de elevação e é toda de terra. Agora você clica no link abaixo e abre a calculadora no site do Aventrilha:


https://www.aventrilha.com.br/calculadora-de-nivel-de-dificuldade-de-subidas/ Vai abrir isso aqui:


Agora é só colocar os números de sua subida e ver o resultado. A Pedra Grande teve 17,88 pontos. Lembrando que a pontuação das 5 subidas mais difíceis são:


  1. Parque Nacional do Itatiaia: 45,26

  2. Cunha x Paraty: 34,97

  3. Serra da Bocaina: 31,40

  4. Estrada das Pedrinhas: 30,20

  5. Pedra de São Domingos: 28,84


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

MISSÃO

- Promover a integração humana e o respeito à natureza, por intermédio de atividades ciclísticas.

 

- Promover o bem estar físico e mental e otimizar a qualidade de vida dos integrantes, em atividades esportivas semanais.

 

- Criar um ambiente de descontração, lazer e amizade entre os integrantes e suas respectivas famílias, garantindo liberdade de expressão.

 

- Fomentar o senso de responsabilidade social, agindo ativamente na busca da inclusão social e da cidadania plena.

VISÃO

Praticar atividades ciclísticas com o fim de colaborar para a construção de uma sociedade justa e igualitária, com respeito e preservação do planeta, reconhecendo os benefícios da prática do ciclismo, valorizando o esporte, participando ativamente de eventos esportivos e atividades de lazer e buscando o bem estar físico e mental de seus integrantes.

 

SUGESTÕES

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2016 BY SIMPLECI.WIX.COM/HOME