Magno Nazaret torna-se o 1º estrangeiro a ganhar três edições da Volta do Uruguai


Montevidéu, Uruguai – O brasileiro Magno do Prado Nazaret, da Funvic/São José dos Campos, entrou para o ‘hall da fama’ da Volta Ciclística do Uruguai, depois de conquistar, neste domingo (1º), o seu terceiro título, o segundo consecutivo, nesta que é considerada a mais importante competição por etapas da América do Sul.


Na última etapa entre Melo e Montevidéu, com 145 km, Magno Nazaret chegou em uma fuga com outros ciclistas e manteve a vantagem de 23 segundos para o argentino Juan Pablo Dotti, da SEP, tornando-se o primeiro estrangeiro a vencer três edições Volta do Uruguai (2012, 2017 e 2018).

Pódio geral da Volta do Uruguai 2018. (Foto: Luis Claudio Antunes/Bike76)


Ainda emocionado, Magno enfatizou a importância do trabalho de todo o grupo na conquista de mais um título em sua carreira. “Eu devo isso a todo mundo, a toda essa estrutura, a todos os meus companheiros, mecânicos, massagistas, diretor, técnico, patrocinador, a todo mundo. Foram 1.600 km, a gente lutando pra chegar em Montevidéu campeão, isso não tem preço”, disse o tricampeão.


Este foi o quinto título conquistado por um brasileiro na Volta do Uruguai. Pedro de Souza foi o primeiro a ser campeão em 1971; Cristian Egídio venceu em 2013 e Nazaret faturou os outros três títulos. O Brasil tem ainda cinco vice-campeões e oito terceiros colocados.


O terceiro lugar na geral ficou com o uruguaio Federico Moreira, da Cerro Largo, 57 segundo atrás do campeão. A Funvic ainda teve Flávio Santos em quinto lugar na geral e André Gohr, também em quinto lugar na geral Sub23.


Além do título individual, a Funvic/São José dos Campos, também comemorou o título por equipe, garantindo o lugar mais alto no pódio com o tempo de 116h00min01, deixando em segundo lugar a equipe, também brasileira, de Ribeirão Preto, atrás 3min26. O terceiro lugar ficou com Virgem de Fátima, da Argentina, a 8min40.


ÚLTIMA ETAPA


O pódio da última etapa também teve brasileiro. Rafael Andriato, de Ribeirão Preto, ficou com o segundo lugar, na vitória de Hector Lucero, da Pocitos (Argentino), que fechou os 145,2 km em 3h13min51. Rodrigo Melo, também de Ribeirão Preto, fechou o pódio em terceiro lugar.


Na classificação de Montanha, Rodrigo Melo, que chegou a liderar a categoria, terminou em terceiro lugar, atrás apenas 5 pontos de Fernando Mendez, que ficou como primeiro lugar.


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

MISSÃO

- Promover a integração humana e o respeito à natureza, por intermédio de atividades ciclísticas.

 

- Promover o bem estar físico e mental e otimizar a qualidade de vida dos integrantes, em atividades esportivas semanais.

 

- Criar um ambiente de descontração, lazer e amizade entre os integrantes e suas respectivas famílias, garantindo liberdade de expressão.

 

- Fomentar o senso de responsabilidade social, agindo ativamente na busca da inclusão social e da cidadania plena.

VISÃO

Praticar atividades ciclísticas com o fim de colaborar para a construção de uma sociedade justa e igualitária, com respeito e preservação do planeta, reconhecendo os benefícios da prática do ciclismo, valorizando o esporte, participando ativamente de eventos esportivos e atividades de lazer e buscando o bem estar físico e mental de seus integrantes.

 

SUGESTÕES

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2016 BY SIMPLECI.WIX.COM/HOME